Reading Time: 1 minuto

Um homem foi condenado a três anos e meio de prisão por roubar energia de estação de trem na China para alimentar suas operações de mineração de Bitcoin (BTC), segundo o jornal The Paper.

Segundo informações divulgadas pela Justiça, o indivíduo também será multado em 100 mil yuans, o equivalente a cerca de US$ 14,5 mil. O homem utilizou eletricidade de uma estação entre novembro e dezembro de 2017 para alimentar 50 mineradores de Bitcoin e três ventiladores elétricos 24 horas por dia.

Além de multa e prisão, a Justiça chinesa determinou que o homem cubra os custos das tarifas de eletricidade e teve seu equipamento de mineração confiscado.

Caso parecido

Em junho, outro homem foi detido na província de Anhui, na China. por tentar roubar eletricidade para financiar suas operações de mineração. O suspeito subtraiu 150 megawatts para abastecer 200 computadores que eram usados para minerar Bitcoin e Ether (ETH), causando um prejuízo de mais de 6 mil yuans (US$ 930) por dia.

Regras para mineradoras

O país é uma superpotência para mineração de criptoativos por conta da alta oferta de energia e por oferecer hardware barato para as operações. Autoridades divulgaram no início do ano relatórios informando que elas estavam preparadas para tentar controlar a indústria.

Segundo um memorando do Banco do Povo da China, um regulador governamental, que foi vazado na internet, as mineradoras deveriam organizar uma saída ordenada do país por elas esgotarem grandes quantidades de recursos e provocarem alta na especulação de moedas digitais.

A instituição teria ordenado que as autoridades adotassem todas as regras possíveis, incluindo medidas relacionadas ao preço da eletricidade e outros impostos, para fazer com que os mineradores acabassem com suas operações no país.

SHARE
RELATED POSTS
Cidade japonesa Tsubasa
Cidade de Tsubasa, no Japão, testa sistema de votação por blockchain
Você sabe o que são DApps?
Google lança plug-in para analisar Ethereum
Google lança plug-in para analisar Ethereum

Comments are closed.