Reading Time: 1 minuto

Os ativos digitais foram lançados para mudar a economia mundial. E ninguém menos do que a líder de um dos maiores órgãos financeiros globais reconheceu a importância das criptomoedas.

Durante participação em um evento em Singapura, Christine Lagarde, diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), afirmou que os bancos centrais devem considerar a possibilidade de emitir moedas digitais.

Para a executiva, esses criptoativos seriam passivos do Estado, nos mesmos moldes em que o dinheiro é atualmente, e não pertenceriam a empresas. Lagarde lembra que vários países já estudam emitir seus próprios ativos digitais, como Canadá, Suécia e Uruguai.

Segundo a chefe do FMI, criptomoedas podem garantir inclusão financeira, segurança e privacidade do consumidor em pagamentos.

Apesar de ressaltar os benefícios dos criptoativos, Christine Lagarde ressaltou que o mercado de ativos digitais pode trazer riscos para a estabilidade financeira das economias.

Ela lembra que tudo deve ser investigado com seriedade, e que assim como todas as tecnologias mudam, as pessoas também devem acompanhar essas mudanças.

Quer saber mais sobre ativos digitais?

Acompanhe o blog e as redes sociais da CoinBene. Aproveite para criar sua conta grátis e ter acesso ao mundo muito além do Bitcoin.

SHARE
RELATED POSTS
Valor de mercado do HEROcoin decola em um mês
IoP elimina intermediários e oferece autonomia para a comunidade
Países europeus não devem ignorar ou proibir ativos digitais, diz UE

Comments are closed.