CRIPTOMOEDAS

Índia envia fiscais a outros países para estudar criptomoedas

Índia envia fiscais a outros países para estudar criptomoedas
Tempo de leitura: 1 minuto

A autoridade reguladora da Índia organizou visitas aos EUA, Japão, Reino Unido, Suíça para que seus funcionários possam estudar o funcionamento do mercado de criptomoedas nos países.

Em um comunicado, o Securities and Exchange Board da Índia (SEBI) informa que as viagens serão para que seus agentes possam se enolver com autoridades internacionais e ter uma compreensão mais profunda dos sistemas e mecanismos.

Essa não é a primeira vez que autoridades indianas demonstram interesse no assunto. O Reserve Bank of India também publicou um relatório no qual mencionava que o país deveria ter mais atenção com os diferentes tipos de regulação de criptoativo que são usados por outras nações.

A instituição estuda lançar sua própria moeda digital, que será apoiada pela rupia.

Conheça a CoinBene

O relatório do SEBi vai contra a atual postura do país com os ativos digitais, já que em julho o RBI publicou uma norma que proíbe o relacionamento dos bancos da Índia com ativos digitais e pessoas vinculadas a eles.

Essa decisão foi mantida pela Justiça indiana até uma audiência que estava marcada para julho, mas foi adiada até dia 11 de setembro.

Comentários

COMPARTILHAR
Notícias relacionadas
BitStation, a ferramenta de negociação da nova era
TRON apresenta extensão para DApps, o TronLink
Buterin
Alta valorização das criptomoedas chegou ao fim, diz Vitalik Buterin