ANÁLISE DE ESPECIALISTA

Preço do Bitcoin está estrangulado. E agora?

Tempo de leitura: 1 minuto

Através desse estudo é possível mensurar o risco do mercado, em que momento o Bitcoin está e se é interessante alguma operação de compra e venda (trade).

Preço estrangulado

Na análise destacada, estamos passando por uma forte zona de estrangulamento.

 Até quem não entende de análise, nessa imagem, consegue entender que o preço está pressionado por diversas “linhas”. Esse cruzamento de linhas do momento torna o cenário muito adverso para realizar alguma operação.

Deveremos esperar o preço passar para uma situação mais clara, para depois se aproveitar da nova tendência.

 O preço dará oportunidade de compra se: romper os US$11.500-US$11.600 para ficar em uma posição mais confortável de alta.

 Caso falhe em romper, suportes em US$10.600 e US$9.800.

Conheça a CoinBene

No momento, recomendamos esperar o mercado tomar um sentido e ficar com um cenário mais claro para operar.

~ Esse material não é uma recomendação de compra ou venda, somente um estudo para lhe auxiliar em sua tomada de decisão.

Conheça a Financial Move

A Financial Move é uma consultoria especializada em criptomoedas.

Conheça nossos serviços em https://www.financialmove.com.br

Não deixe de entrar nos nosso canais no Telegram.

Participe da comunidade no Telegram: http://bit.ly/FiancialMoveForum

Entre para nosso canal no Telegram: http://bit.ly/FinancialMoveCanal

~Realize seu próprio estudo e gerencie seu próprio risco, esse conteúdo é educativo e busca auxiliar e promover a educação financeira da comunidade.

Comentários

COMPARTILHAR
Tasso Lago
Engenheiro, Pós Graduado em Finanças Corporativas pela COPPEAD/UFRJ e Mestrando em Corporate Finance pela Université de Bordeaux. Atualmente é analista financeiro da IBM voltado para o mercado USA e CEO da Financial Move
View Website
Notícias relacionadas
Não é hora de comprar Bitcoin
Sobe-desce: análise gráfica do Bitcoin (23 de abril de 2019)
Pequena tendência de baixa: hora de ter lucro com Bitcoin
Não é hora de comprar Bitcoin
Para onde vai o Bitcoin?